Muito se fala sobre o dia em que teremos TV a cabo transmitida via internet, o que somaria as qualidades da televisão que conhecemos com toda a integração oferecida pela web – dizem por ai que é necessário uma conexão real de 10Mb para alguém ter uma imagem FullHD suave pela web. Por outro lado, temos a tradicional TV a cabo, que já digital e em alta definição, agora começa a ser 3D. UAU.

Mas há um problema real de banda de transmissão nessa área, mesmo nos divertindo com um belo filme em alta definição, ele ainda perde em qualidade para um filme em Blu-ray, isso por conta da banda necessária para um vídeo em 1080p. Agora imagine os Blu-ray 3D, que exibem duas imagens 1080p ao mesmo tempo, duas para cada olho. Não há tecnologia comercial para tamanha qualidade, falando de cabos ou satélite, assistimos nesse caso 720p, ou no máximo 1080i – sejamos francos, já ficamos bastante impressionados.

Qual a carta na manga da NHK?

A TV pública do Japão, grande vanguardista quando se fala em inovações e transmissões de alta qualidade, desenvolveu uma tecnologia que promete resolver esse problema. O segredo é simples, o vídeo 3D em 1080p precisa de dois sinais de alta definição, os engenheiros da estatal dividiram os dois sinais, os enviando por duas vias distintas. Uma foi enviada por cabo (também funciona pelo satélite), e a outra pela internet, dessa forma uma TV recebia uma maravilhosa transmissão 3D FullHD.

Não vamos dizer que esse é o futuro, são apenas eficientes testes realizados que demonstram a capacidade de tecnologias já disponíveis.

Fonte: Techon