Há algumas semanas noticiamos que a Samsung estava produzindo telas de 5.3 polegadas, grandes demais para um smartphone e relativamente pequenas um tablets. Ok, pensamos se tratar de um novo PMP (portable media player), produto que perde espaço diante novos celulares e tablets. A Samsung resolveu apresentar o aparelho que utiliza as tais telas, e o que temos? Bom, você já pensou como seria o resultado da mistura de um telefone com tablet? Sim. Isso mesmo, um telefone com tela enorme.

O Samsung Galaxy Note parece querer fugir do rótulo de telefone. Apesar de fazer ligações, ele parece mais focado em exibir suas funções como um interessante ponto de acesso web e rápida produção de conteúdo: Game, Planejamento, bloco de notas, talbet e posteriormente smartphone são suas bandeiras. Com uma tela touch Super AMOLED com resolução de 1.280×800, câmera frontal e traseira com 2 e 8 megapixels e um processador dual core de 1.4GHz, não era de se esperar menos. Muita gente pode achar o Galaxy Note muito grande para um telefone – perceba no vídeo que em momento algum aparece alguém com ele na orelha – mas quando se pensa que ele faz tudo o que um tablet top de linha faz e ainda consegue realizar ligações, percebe-se ai um certo nicho de mercado. Não é para qualquer um, talvez seja para você.

Vídeo de lançamento: