Facebook, segurança em redes sociais, pesquisa

Quando se discute sexos no Facebook, o resultado é bem óbvio: homens caem com muito mais facilidade em esquemas fraudulentos do que as mulheres. A explicação é até muito óbvia. Eles aceitam com muito mais facilidade um pedido de amizade de uma mulher atraente – mesmo que estranha.

Uma pesquisa feita pelo BitDefender e realizada nos Estados Unidos e Reino Unido com 1.649 homens e mulheres, informa que, enquanto 64.2% das mulheres sempre rejeitam solicitação de amizade de estranhos, com os homens essa taxa cai para 55.4%. Soma-se a isso que 1/4 dos homens deixam suas informações abertas para estranhos, comparadas com 16% das mulheres. No caso delas, apenas 21.8% compartilham sua localização, já 25.6% deles não se importam em informar onde estão.

“Homens se expõe a riscos com mais freqüência do que as mulheres, especialmente quando se trata de adicionar como amigo alguém que não se conhece. Por outro lado, é positivo saber que apenas um 1/4 dos usuários costumam informar sua localização em redes sociais, o que faz disso um importante ato de privacidade,” informa George Petre, pesquisador senior da BitDefender. “No entanto, os aplicativos para dispositivos móveis são desenvolvidos primordialmente para informar a localização do usuário, o que pode gerar situações embaraçosas ou até mesmo perigosas.”

A pesquisa ainda informa que quanto mais velho, mais as pessoas tendem a se precaver em redes sociais. Com amigos e conhecidos fazendo marcações em suas fotos nas mais diversas situações, além qualquer suspiro no teclado sendo compartilhado com o mundo, você já pensou a respeito da sua privacidade online?

Com informações, TD Daily.